Logo Barão de Vilar Logo Barão de Vilar
Vinho do Porto

Vinho do Porto


O Vinho do Porto é um vinho licoroso muito apreciado em todo o mundo que resulta da interrupção da fermentação natural das uvas através da adição de aguardente vínica. Este Vinho é produzido unicamente na região demarcada do Douro, no norte de Portugal. É dividido em três categorias distintas: branco, tawny e ruby, tendo surgido recentemente uma nova categoria - rosé.

BRANCO
O Vinho do Porto Branco é produzido exclusivamente com uvas brancas provenientes do Douro, podendo assumir, segundo o seu grau de doçura, a designação de seco, meio seco ou doce, ao qual se chama Lágrima. Trata-se de um Vinho do Porto jovem, que envelhece pelo menos 3 anos em cubas de madeira. Apresenta uma cor amarelo palha.

TAWNY
Os Vinhos do Porto Tawny são vinhos tintos que envelhecem em pipas e apresentam diferentes tonalidades, dependendo da sua idade. As cores variam entre rubi, vermelho acastanhado, dourado e âmbar. Com a idade, os Vinhos Tawny aumentam também a sua complexidade aromática, intensificando-se os aromas a frutos secos (nozes ou amêndoas), a madeira, café, chocolate, entre outros. As referências mais comuns são os Tawnys com Indicação de Idade e os Colheita. Um Vinho do Porto Tawny é sempre um blend, obtido por lotação de vinhos de idades diversas, cuja média confere a idade ao vinho.

RUBY
Os Vinhos do Porto Ruby são vinhos jovens, frutados, de cor escura e com um intenso sabor a frutas vermelhas, nomeadamente frutos silvestres. Neste tipo de vinhos encontram-se as categorias LBV (Late Bottled Vintage) e Vintage, vinhos de qualidade superior com características únicas. Os Vintage são vinhos produzidos a partir de uma colheita de um único ano designado "Ano Vintage” e são engarrafados no 2º ano após a vindima. Estes vinhos estagiam em garrafa e podem ser consumidos décadas depois. O LBV é um vinho engarrafado entre o 4º e o 6º ano após a vindima e pode ser consumido jovem ou envelhecido.


«voltar

© 2011 Barão de Vilar.